GUIGÓ - CALLICEBUS COIMBRAI

O maior fragmento no qual a espécie foi registrada em Sergipe, a mata do Crasto, tem cerca de 900 ha e há indícios de sua ocorrência em uma área com pouco mais de 1.000 ha no extremo norte da Bahia.
Pesam mais de 1 kg quando adultos e apresentam hábito diurno e arborícola, raramente descendo ao solo. Alimentam-se de frutos, folhas e flores, podendo ainda consumir pequenos animais. A estrutura social envolve a formação de grupos nucleados por casais monogâmicos de longo prazo, fortemente unidos e altamente territorialistas, que usualmente geram uma única prole por ano.
A potente vocalização é uma das características mais marcantes dos guigós, sendo emitida em duetos pelo casal dominante do grupo, principalmente ao amanhecer. A vocalização dos guigós é confundida com o canto de aves (JERUSALINSKY, 2008).

Classificado como altamente em perigo de extinção. 

CEVHIC David Pimenta© 2012 Todos os direitos reservados.

Crie um site gratuitoWebnode